Brechas Urbanas
A imagem em preto e branco mostra vários prédios na metade inferior da foto. Na parte superior, um céu liso.
imagem: Anna Carolina Bueno

Os sons que a cidade perdeu

"Jamais pensei que fosse sentir falta do som de cachorros latindo, da bola batendo em uma tabela de basquete, de carros passando com o rádio alto, de trechos de uma conversa fútil ao celular"
Um prédio recobre toda a foto. O prédio tem um cor amarela, suja em vários pontos. Destaca-se na superfície também o prateado de algumas janelas.
imagem: Anna Carolina Bueno/Itaú Cultural

As locutoras de quarentena

A colunista Vanessa Barbara e sua filha Mabel narram pessoas na rua, um besouro morto, os acontecimentos do vento e a agitação das ambulâncias
Vista da cidade de São Paulo, em preto e branco. O panorama mostra alguns prédios e outros edifícios mais baixos.
imagem: Anna Carolina Bueno

Expedição à padaria

Depois de duas semanas adoentada e sob suspeita de covid-19, a colunista Vanessa Barbara empreende uma aventura: vai à padaria comprar pão
Avenida Paulista, em São Paulo (SP), é vista do alto de um prédio. Vários prédios fazem sombra no asfalto.
imagem: Anna Carolina Bueno

O sol e a cidade

Colunista Vanessa Barbara conta, através de fatos cotidianos, como é difícil ter direito a um pouco de sol na cidade de São Paulo
A imagem é uma vista área da cidade, em sépia. É uma avenida, replicada em duas colunas verticais.
imagem: Anna Carolina Bueno

Perdidos de nascença

A crônica desse mês da colunista Vanessa Barbara fala sobre quem se perde facilmente na cidade, até em estacionamento de mercado ou dando volta no quarteirão
Uma mulher acompanhada de uma criança passa à frente de um edifício aparentemente antigo, feito de pedra e cheio de pichações.
imagem: André Seiti

Mães à solta

A escritora Vanessa Barbara traz uma crônica sobre um dos personagens das cidades: as mães recentes – como ela própria
imagem: André Seiti/Itaú Cultural

Entre o solo argiloso e os algoritmos

Para dizer a verdade da cidade, devemos entender que ela é produto de uma mistura de instituições, formas, matérias e inscrições, e que na atualidade tudo isso se concentra e se potencializa por meio das tecnologias da informação
A foto exibe o ponto de vista da plateia. O público está na sombra, no fundo, vemos o palco com os três participantes da mesa.
imagem: Agência Ophelia

A multiplicação dos centros

Nos depoimentos de Alemberg Quindins, criador da Fundação Casa Grande, e Monique Evelle, criadora da Desabafo Social, entendimentos novos do central e do periférico