Classificação indicativa: 12 anos

O sétimo programa de música da segunda edição do Festival Arte como Respiro conta com apresentações de Triz, Macaxeira Jazz e Lari Lima.

O programa fica disponível no dia 24 de setembro, às 20h, e apenas por 24h.

Triz Rutzats nasceu e foi criado no bairro periférico da Pedreira, na Zona Sul da cidade de São Paulo (SP). O artista carrega em seus versos o contraste entre a suavidade de sua voz cantada e a força contestadora de suas rimas. Em 2017, lançou seu primeiro single, “Elevação mental”, cujo tema é a causa LGBT. O clipe da faixa, dirigido por Cesar Gananian, já conta com mais de 16 milhões de visualizações no YouTube. Por meio de seu trabalho, Triz assume e debate, publicamente, o gênero não binário. Com influências que vão de Sabotage a Elis Regina, está criando um repertório autoral.

Grupo instrumental potiguar, Macaxeira Jazz se apresenta desde 2006 e é composto de Diogo Guanabara (bandolim e violão), Henrique Pachêco (baixo), Marco Antônio da Costa (piano e violão), Raphael Bender (bateria) e Ticiano D’Amore (guitarra). Com cinco discos gravados, o quinteto trabalha tanto com um repertório autoral quanto com versões de nomes como The Beatles, Michael Jackson e Astor Piazzola.

Ainda na escola, Lari Lima já cantava: participou, no Ensino Fundamental, como vocalista de um grupo, projeto idealizado por Eduardo Rolemberg, professor de matemática. Aos 14 anos, ao lado da cantora Bia Ferreira, fez a sua primeira apresentação profissional. Aos 15, passou a realizar shows na Rua do Turista, em Aracaju (SE), de forma independente. Em 2016, agora com banda, ocupou outros espaços no cenário musical sergipano, sendo selecionada para o reality show Garagem Acústica (do qual foi semifinalista).

Este programa integra o Festival Arte como Respiro: Música. Confira a programação completa neste link.

Ficha técnica (de acordo com a ordem das apresentações):

Triz
“O som vem assim”, de Triz
Composição e voz: Triz
Violões de aço e náilon: Pedro Santiago
Piano, programação e samples: Caê Rolfsen
Percussões e MPC: Bruno Prado
“Pra Berlin”, de Triz
Composição e voz: Triz
Baixo: Pedro Santiago
Guitarra, organelle e synths: Caê Rolfsen
Bateria: Décio7
Vox organ e teclado: Paulo Kishimoto
“Elevação mental”, de Triz
Composição e voz: Triz
Synths, violão, piano e programação: Pedro Santiago
Baixo: Daniel Amorim
Captação de áudio e gravação:
Produção musical: Caê Rolfsen e Pedro Santiago
Mixagem: Rodrigo “Funai” Costa
Masterização: Felipe Tichauer
Produção-executiva: Lys Ventura
Gravadora e editora: Ori Music Records
Estúdio: Ori Music Lab
Mixagem: Fabio Barros
Masterização: Arthur Joly

Macaxeira Jazz
Bandolim: Diogo Guanabara
Violão: Henrique Pacheco
Captação de áudio e gravação: Henrique Pacheco

Lari Lima
Voz e violão: Lari Lima
Percuteria: Amaral (Gladson dos Santos)
Captação de áudio e gravação: VN Studio

Veja também

Parteum – Toca Brasil

Entre o skate e a música, entre parcerias e projetos autorais: o rapper Parteum fala da sua produção