O curta-metragem Caleidoscópio propõe uma reflexão sobre o lugar em que se quer viver, não apenas no sentido de região, cidade, bairro e rua, mas também de família e de lar. O curta se passa em Tianguá, pequeno município de 70 mil habitantes localizado na Chapada Ibiapaba, norte do Ceará. Esse é o lugar onde o diretor Natanael Portela nasceu, cresceu e mora. Na última década, porém, ele vem observando como o crescimento desordenado tem provocado alterações climáticas, sociais e culturais no local.

[classificação indicativa: livre]

Esta obra permanece disponível no site do Itaú Cultural, na íntegra, até 24 de setembro de 2019.

Confira a programação completa da mostra que reúne filmes resultantes de projetos contemplados pelo programa Rumos Itaú Cultural.

Veja também